História da Raça

Breve Resumo Histórico e Referências Históricas

O Podengo é um cão do tipo primitivo, tem a sua origem provável nos antigos cães trazidos pelos Fenícios e Romanos para a Península Ibérica na antiguidade clássica, sofrendo posterior influência com a introdução de efectivos caninos que acompanharam os mouros nas invasões no séc. VII. Adapta-se ao território e clima nacionais, originando o que é hoje o podengo português. Evoluiu morfologicamente ao longo dos séculos, em razão da funcionalidade, tendo sido seleccionada a variedade pequena, a partir do séc. XV, como cão rateiro nas caravelas dos descobrimentos.

FALCOEIRO com ajuda de podengos
Códice em pergaminho, Iluminura (Século XV)
In “Sophilogium”, fl.59 verso
Frei Magnus da ordem dos Eremitas de Santo Agostinho (80x60mm)
ARQUIVO NACIONAL DA TORRE DO TOMBO

PARTIDA DE UM PRINCIPE PARA A CAÇA com podengos
Reprodução fotográfica de um manuscrito hindou do Século XVIII
MUSEU GUIMET – PARIS

PODENGO COM COELHO NA  BOCA (à direita)
Baixo relevo, localizado na frontaria da Igreja de S. João Baptista, em Tomar
Século X, XI

CENA DE FALCOARIA com ajuda de podengos
Capa de nobre em linho bordado. Trabalho indo-português do Século XVII.
Barra com friso decorativo bordado, no qual se destacam as figuras de falcoeiros com ajuda de podengos (1080×2000 mm)
MUSEU NACIONAL DO TRAJE